20.8.16

Resenha: Só a gente sabe o que sente (Fred Elboni)


Ahhh! Fred Elboni... já te vi duas vezes, mesmo assim quando leio seus textos me pergunto se você realmente existe.

 Para quem não conhece, o Frederco Elboni é o dono do blog Entenda os Homens e tem um canal super divertido e sincero no Youtube (vele a pena assistir antes de dormir). Mesmo super jovem, ele é um escritor nato. E é claro que suas crônicas e contos fazem parte das inspirações dos meus textos. Quem me dera ter, pelo menos, metade do talento dele.



 "Só a gente sabe o que sente" é o seu terceiro livro, atrás de "Meu Universo Particular" e "Um Sorriso ou dois". O livro é recheado de textos sobre amor, amizade, saudade, felicidade, distância, sexo e muitos outros assuntos do nosso cotidiano. É impossível você atravessar uma página sem se identificar, pelo menos, com um parágrafo. Mesmo que você não tenha passado pela situação daquele conto, você se sentirá como se o estivesse vivido ontem.



Além disso, o livro conta com uma lista de músicas incríveis que podem acompanhar a sua leitura. O mais legal é são indicações enviadas por leitoras do blog! (Fred sendo Fred). ♥



Algumas das minhas citações preferidas são:

"O que você está esperando para provar a si mesmo que sabe voar? Esqueça um pouco as dores, os medos, as raízes. Vem namorar o mundo. Minha mochila está sempre pronta." - Pág. 152

"Acontece que ás vezes a gente só quer ouvir que é amado sem precisar de explicações pra isso. A gente quer lembrar por onde anda o frio na barriga e curtir esse momento como se fosse a primeira vez. E sempre é." - Pág. 148. 

" Ela sempre foi mar e me aceitou assim, sendo rio. Me aceitou e, de forma natural, me deixou desembocar todo o meu mundo nela. E sei que investi e ainda invisto todas s minhas fichas na mulher que, hoje, julgo ser a da minha vida." - Pág. 134




Uma foto publicada por Blog Paris de Priscila (@parisdepriscila) em

"Só a gente sabe o que sente" é aquele tipo de livro de cabeceira. Impossível ler apens uma vez. Sendo um pouquinho exigente, eu gostaria mais se todos os textos fossem inéditos. Mesmo já tendo lido alguns no blog, a compra valeu super a pena e é claro que peloabrço do Fred valeu ainda mais. Quem sabe a gente se encontra em um próximo lançamento para dar um sorriso ou dois? Hahaha.  Espero que tenha gostado! Mil beijos.

#BEDA13

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Paris de Priscila 2016 © Todos os Direitos Reservados

Design & Desenvolvimento por Moonly Design | Imagens Cabeçalho por Freepik