6.12.13

Eu admito


Chegou a hora de assumir aos quatro cantos do meu coração que eu te amo. Coisa que eu sempre soube. Tudo aquilo que eu não queria admitir. Por medo. Insegurança. Dúvida.  Por falta de amor nunca foi. Mas isso já passou. Hoje, eu tenho coragem e orgulho de dizer como é grande o meu amor por você.

Não vou gritar pra todo mundo ouvir. Até porque o mundo é você. E juras de amor a gente prefere sussurrar bem baixinho. Só nós temos que saber do valor do nosso amor, embora todos que olham nos meus olhos sabem que eu te encontrei.


Sempre esperei encontrar alguém que sentisse que eu valeria à pena. Não encontrei. Você me provou que eu valo o cocar inteiro. Foi em um desses dias que tinha tudo pra ser como os outros. Encontrei alguém que mudou a minha forma de enxergar. Foi nestes teus gestos simples, que descobri onde está a felicidade. Dentro de mim. Juntada com a tua, transborda e me faz sorri a qualquer hora. 

2 comentários:

  1. Cada vez me apaixono mais pelos seus textos, e esse gatinha (a) fofo ai? :3 hehe
    Beijão!
    www.gabrieleortiz.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É gatinha mesmo hahaha
      fofa e chatinha, viu?! Não se deixe enganar pelas boas aparências hehe
      beijos, Gabizinha <3 Obrigada!!!

      Excluir

Paris de Priscila 2016 © Todos os Direitos Reservados

Design & Desenvolvimento por Moonly Design | Imagens Cabeçalho por Freepik